Uberlândia registra 5º caso de maus-tratos a animais só este ano

A violência contra animais, infelizmente, ainda é muito grande no Brasil. Na cidade de Uberlândia, por exemplo, em pouco mais de dois meses já foram registrados cinco casos de maus-tratos a animais, incluindo morte.

Em janeiro foram dois os casos catalogados pela Polícia Militar de Meio Ambiente local. De acordo com os oficiais, em ambos os casos os cães foram encontrados após denúncias de vizinhos. Os animais estavam em lugares bastante sujos, em meio a fezes e urina, e bem abaixo do peso ideal, além de apresentarem carrapatos, sarnas e outros sinais de maus-tratos.

cachorro-mal-trato-sem-comida

Nos casos registrados, os animais estavam bastante abaixo do peso e cheios de carrapatos. (Foto: Reprodução / G1 / Polícia Militar Ambiental / Divulgação)

Nestes dois casos os cachorros foram resgatados e os responsáveis pelos animais chegaram a ser detidos.

O primeiro caso encontrado no mês de fevereiro, no dia 13, foi o primeiro mais grave do ano. Um cão foi encontrado em péssimas condições durante uma investigação da Polícia Civil em uma casa, que passava por uma busca.

Ao verem o cão bastante debilitado, a PM rapidamente chamou a Polícia Militar de Meio Ambiente, que encontrou o animal amarrado com uma corda no pescoço, extremamente magro e fraco e com ferimentos já cobertos por moscas.

responsaveis-irao-responder-crimes-de-mal-trato

Os responsáveis encontrados irão responder pelo crime de maus-tratos a animais. (Foto: Reprodução / G1 / Polícia Militar Ambiental / Divulgação)

A dona da casa onde o cachorro foi encontrado recebeu voz de prisão e foi até a delegacia, onde foi ouvida e posteriormente liberada. Já o animal chegou a ser encaminhado para o Hospital Veterinário Franciscano, mas não resistiu e faleceu.

Ainda em fevereiro, um cachorro da raça Boxer foi encontrado também extremamente magro, nos fundos de uma casa, após uma denúncia anônima. O animal foi encaminhado para o Hospital Veterinário da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e o tutor, que foi preso em flagrante, irá responder pelo crime de maus-tratos a animais.

No dia primeiro de março, mais um animal foi levado à morte por conta de maus-tratos em Uberlândia. De acordo com a Polícia Militar de Meio Ambiente, o cachorro da raça Pit Bull foi encontrado morto amarrado com uma corda no pescoço que estava presa em uma grade de uma rampa de acesso para pessoas com deficiência.

cao-encontrado-ja-conseguiu-novo-lar

Um dos cães encontrados rapidamente já conseguiu um novo lar. (Foto: Reprodução / G1 / Polícia Militar de Meio Ambiente / Divulgação)

O cão, que estava cheio de carrapatos, foi encontrado após uma denúncia. Segundo os oficiais, não se sabem quem abandonou o animal, mas o caso será registrado e encaminhado para a Polícia Civil.

A nossa torcida é para que casos desse tipo não fiquem impunes em nosso país. Que além de serem registrados e investigados, eles sejam realmente punidos, de acordo com a lei.

Fonte: G1

Deixe um comentário